castelo dos vampiros

Sugadores de sangue profanos

Eu sou teu pesadelo, tua condenação.

Esta noite nos levantaremos para sugar teu sangue.

Esta noite nos levantaremos para foder tua alma.

Dança! Dança! Dança! O Vampiro!

Profanos fodedores do sangue de virgens

Eu sou teu prazer... Teu sofrimento.

Esta noite nos levantaremos por nossa sede.

Esta noite nos levantaremos por nossa vida.

Oh, minha bela dama

Deixe-me sugar teu pescoço.

Deixe-me lamber teu corpo.

Deixe-me te foder!

Dança! Dança! Dança! O Vampiro!

Dança! Dança! Dança! O Vampiro!

luciferana

luciferana
lady vampy

sábado, 18 de setembro de 2010

* Ocultismo *

Ocultismo (ou Ciências Ocultas) é um conjunto de teorias e práticas cujo objetivo seria desvendar os segredos da natureza, do Universo e da própria Humanidade. O ocultismo trata de um tipo de conhecimento que está além da esfera do conhecimento empírico, o que é sobrenatural e secreto. Não é aceito pela comunidade científica por não compartilhar de suas metodologias. O ocultismo está relacionado aos fenômenos sobrenaturais. Ou seja, são conjecturas metafísicas, e teológicas, algumas das quais oriundas de povos da Antiguidade clássica.





O ocultismo está relacionado aos fenômenos sobrenaturais. Ocultismo é um conjunto vasto, um corpo de doutrinas proveniente de uma tradição primordial que se encontraria na origem de todas as religiões e de todas as filosofias, mesmo as que, aparentemente, dele parecem afastar-se ou contradizê-lo.
O Homem aqui retratado seria um completo e arquetípico, composto não apenas de corpo, mas também de emoção razão e alma (como divide a cabala).
Segundo algumas tradições ocultistas as religiões do mundo teriam sido inspiradas por uma única fonte sobrenatural. Portanto, ao estudar essa fonte chegar-se-ía a religião original.
Muitas vezes um ocultista é referenciado como um mago. Alguns acreditam que estes antigos Magos já conheciam a maior parte das descobertas da ciência contemporânea e até além delas, tornando estas descobertas meros achados.

Nas ciências ocultas, a palavra oculto refere-se a um "conhecimento não revelado" ou "conhecimento secreto", em oposição ao "conhecimento ortodoxo" ou que é associado à ciência convencional. Para as pessoas que seguem aprofundando seus estudos pessoais de filosofia ocultista, o conhecimento oculto é algo comum e compreensivel em seus símbolos, significados e significantes. Este mesmo conhecimento "não revelado" ou "oculto" é assim designado, por estar em desuso ou permanecer nas raízes das culturas.
Originalmente no século XIX era usado por ter sido uma tradição que teria se mantido oculta à perseguição da Igreja, e da sociedade e por isso mesmo não pode ser percebido pela maioria das pessoas.
Mesmo que muitos dos símbolos do ocultismo, estejam sendo utilizados normalmente e façam parte da linguagem verbal ou escrita), permanecem assim, ocultos o seu significado e seu verdadeiro sentido. Desta maneira, tudo aquilo que se chama de "ocultismo" seria uma sabedoria intocada, que poucas pessoas chegam a tomar conhecimento, pois está além da visão objetiva da maioria, ou de seu interesse. O ocultismo sempre foi concebido desde o início, como um saber acessível apenas a pessoas iniciadas (ou seja, para aquelas que passaram por uma "iniciação"; uma inserção num grupo separado do comum e do popular; ou mesmo uma espécie de batismo, onde as pessoas seriam escolhidas, então guiadas e orientadas a iniciar numa nova forma de compreender e pensar o que já se conhece, transcendendo-o).
A percepção do oculto consiste, não em acessar fatos concretos e mensuráveis, mas trabalhar com a mente e o espírito. Refere-se ao treinamento mental, psicológico e espiritual que permite o despertar de faculdades ocultas.

O ocultismo teria suas origens em tradições antigas, particularmente o hermertismo no antigo egito , e envolve aspectos como magia, alquimia, e cabala.
O ocultismo tem relação com o misticismo e o esoterismo e tem influências das religioes e das filosofias orientais (principalmente yoga , hinduísmo, budismo, e taíosmo).




As raízes mais antigas conhecidas do ocultismo são os mistérios do antigo egito, relacionados com o deus hermers ou thoth. Essa parte do ocultismo ou doutrina é tratada no hermertismo.
Na idade média, principalmente na península ibérica devido a presença de muçilmanos e judeus, floresceu a alquimia, ciência relacionada com a manipulação dos metais, que segundo alguns, seria na verdade uma metafora para um processo mágico de desenvolvimento espiritual. Tanto a alquimia quanto o ocultismo receberam influência da cabala judaica, um movimento místico e esotérico pertencente ao Judaismo.
Alguns destes ocultistas medievais acabaram sendo mortos na fogueira pela inquisição da igreja católica, acusados de serem bruxos e terem feito pacto com o diabo. Mas existem trabalhos relacionados à cabala relacionados durante toda Idade Média. E de alquimia na Baixa Idade Média.


5 comentários:

  1. gostei do seu blog tenho alguns livros antigos sobre magia e tbm sobre o Rei Salomão.

    ResponderExcluir
  2. Ola, td bem ?
    Queria fazer um convite, se puder me add no msn
    holly.bad@hotmail.com
    Obg bejos

    ResponderExcluir
  3. nossas sombras sempre estarao guapdadas no submundo

    ResponderExcluir